Paulo Silvino – A Lenda da Piroga de Cristal

“Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar… Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar… Falado: “Essa é a lenda da Piroga de Cristal. Uma história escrita num tempo muito remoto, quando o Brasil nem era Brasil: era Pindorama. As pirogas, como vocês sabem, são as canoas dos índios. E tem índio com piroga pequena, piroga grande, depende do tamanho das árvores que eles derrubam para esculpir no seu tronco a piroga. Essa lenda conta o caso do índio Boi Xavante que derrubou um enorme Jequitibá e fez uma piroga imensa que ele mantinha sempre envernizada com óleo de carnaúba. Ele era muito repeitado na tribo toda por causa disso, porque ele alimentava toda a tribo com aquela piroga. Voltava sempre da pesca com a piroga cheia de peixe, e de vez em quando vinha até um siri preso na piroga. Era uma loucura! Até que um dia…”… Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar… Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar… Boi Xavante, índio bravo… Com um enorme pirogão… Raptou a índia filha… Do cacique Gavião… Seu marido, Cão do Norte… Aliou-se ao Pajé… Procurando vingar com a morte… A desonra da mulher… Destruam a piroga dele… Botem fogo na piroga dele… Pulverizem a piroga dele… Acabem com a piroga dele… Mas, Jaci ouviu… As preces do casal… E transformou a embarcação do Boi Xavante… Numa bela piroga de cristal… Mas a índia estabanada… Foi dançar de empolgação… Deu com o pé na bola errada… E quebrou o pirogão… Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar… Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar… Destruam a piroga dele… Botem fogo na piroga dele… Pulverizem a piroga dele… Acabem com a piroga dele… Destruam a piroga dele… Botem fogo na piroga dele… Pulverizem a piroga dele… Acabem com a piroga dele… Mas, Jaci ouviu… As preces do casal… E transformou a embarcação do Boi Xavante… Numa bela piroga de cristal… Mas a índia estabanada… Foi dançar de empolgação… Deu com o pé na bola errada… E quebrou o pirogão… Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar… Como era grande a piroga dele… Descendo o rio, correndo pro mar”…[Por Paulo Silvino]

Deixe uma resposta

Vale a Pena Ouvir de Novo
Comentários Recentes
  • Ailton { Ops,,,Eu me lembro, a Coca lançou, para concorrer com a Gini.Formula e a composição era a mesma na Sprite. } – 22 ago, 10:55 PM
  • Gabriel Aguiar { Muito Bom! Parabéns } – 16 jun, 12:42 AM
  • Nerivaldo Nunes { Foi um dos melhores presentes que já recebi de minha mãe quando tinha 8 anos 1979, até meus 32 anos tinha meus disquinho originais e ... } – 23 maio, 11:30 AM
  • Canabis Ativa { Essa Música É A VERSÃO De Sunny ...De Robert Webb...Gravada Originalmente Pelo Cantor Jhonny Rivers..Nos Anos 60. Essa Versão De Léo Jaime E Leandro....É ÉROTICA.MAS..É ... } – 10 abr, 3:55 AM
  • Joao Assis { Nunca vi outro igual para festas natalinas. Musica. Letra. Que coral! } – 30 mar, 10:50 AM
  • Pedra de fel { Muito bom, otimo hino parabens } – 20 mar, 5:18 PM
  • alberto cesar santos { GOSTARIA DE SABER NOME DOS COMPOSITORES DE.... VOU TER UM TROÇO } – 22 fev, 12:17 PM
  • alberto cesar santos { GOS TARIA SABER COMPOSITORES EUS NOMES } – 22 fev, 12:15 PM
  • Renato { Tentei tirar a letra de "ouvido", mas tem partes que não consegui identificar. Se alguém puder corrigir, me avise: CU QUE QUER COÇAR Quando sem ... } – 09 dez, 6:22 PM
  • Izidoro no dos Santos { Tú te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. Eu acho que a Casas Pernambucanas tem obrigação moral de nos dar de volta as emoções ... } – 01 dez, 12:07 PM
  • luiz Carlos Telles { Sérgio, muito boa noite, gostaria de reviver outros jingles do anos 60 - Radio Nacional de São Paulo - Rádio Tupí de São Paulo - ... } – 26 out, 8:17 PM